sábado, 13 de abril de 2013

Espelho ...

Assim como toda mulher eu não podia ver um espelho ... em casa era uma demora pra sair!!! Mas na condição de andante eu era terrível! Não podia ver nada que refletia minha imagem ... dava aquela olhadinha, arrumava o cabelo, dava uma voltinha, conferira o bumbum e seguia cofiante!
Mas não ... espelhos me perturbam, vejo uma figura que não sou eu ... dói ... sem roupa então!
Mas o tempo passou e espelho só para o rosto rss ... fotos sim! Adoroooooooo  e até gosto do que vejo! Mas espelhos não!
Sabe, o espelho se prestarmos bem atenção refletem além do que vemos e se olharmos bem fundo aos nossos olhos conseguimos ver além. As máscaras caem e o nosso verdadeiro eu surge ... aquela imagem refletida morre e efetivamente nos descobrimos e percebemos o que realmente somos, nada.
Quando faço esse exercício, lembro da minha infância e dos meus segredos os mais ocultos, da minha vida boa, do colégio, a música, família e de como me tornei essa pessoa adulta ... penso, penso e se olhar fixamente até me assusto! Somos podres! Repugnantes! Deveríamos olhar mesmo para os valores, bons valores que foram trazidos para nós até aqui e quanto tempo faz. A beleza ... ah a beleza está naquilo que valorizamos e na maioria das vezes é NADA!
Hoje compramos um belo pacote e a medida que o embrulho se desfaz nos decepcionamos e mesmo assim queremos dar um jeitinho, ver que o laço não se desfez e que um rasguinho aconteceu e que a verdade está ali e nem sempre é o que queremos ver e aceitar.
É estou nesse momento ... vendo sujeiras, verdades, inverdades e descobrindo coisas que não gostaria de sentir mas sinto. Vendo a pessoa que me criou e deixou muito de si em mim, que saudade e falta ela me faz ... minha avó ... a vejo e sou eu ... hoje vejo ainda mais a falta que me faz ... e por vezes me confundo com os demais ... aqueles que passaram pela minha vida e deixaram marcas boas ou ruins ... será que você  não esta aqui, em mim?
Façam esse exercício desafiador eu ainda estou nele, habituada já com meus adversos que são muitos e outros ainda viram, é a vida! 
Ah! Eu já consigo me olhar no espelho um pouquinho mais, mas o meu medo maior é dele se quebrar.





6 comentários:

  1. gostei do seu texto. faz pensar meso nas coisas da vida e nao acho que o espelho vai quebrar, pois pra mim vc é linda de qualquer jeito

    ResponderExcluir
  2. Belo texto amiga! Que bom que hoje vc consegue se olhar mais no espelho e enxergar sua beleza externa e interna!
    Essa música é TUDO! rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Flavia, sei que você sempre foi boa com as palavras ( escrita, falada e cantada ).
    E como tudo na vida, quanto mais se exercita melhor fica.
    Adorei a fluência e transparência do " Espelho"
    Continue expulsando as coisas ruins através das palavras e quem sabe esse não é o Dom secreto que se revelará ......
    Bjim Com Carim, Marcim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu amigo ... quem sabe né?
      Adorei a rima rs

      Excluir